Vitória: Durante a apresentação Jadson, demonstra respeito ao Vitória, “Não vim aqui por dinheiro, vim aqui mais por desafios”

1060

SALVADOR: Oficialmente apresentado como o camisa 10 do Vitória para a temporada, o consagrado meia Jadson agradeceu à oportunidade de pela primeira vez jogar no Nordeste, e prometeu durante a concorrida coletiva na sala de impresnsa do Estádio Barradão: “Meu objetivo é fazer o Vitória subir”.

Coube ao presidente em exercício do Conselho Diretor, Fábio Rios Mota, ao lado do diretor de patrimônio Djalma Abreu, dar as boas-vindas ao jogador. O diretor de futebol Alex Brasil também acompanhou a apresentação.

“Podem ter certeza que estou muito focado em ajudar o Vitória. Vamos em busca dos desafios deste ano”, afirmou o jogador.

Quando perguntado sobre o que motivou aceitar o convite, o Jadson usou a palavra desafio para expressar seu sentimento.

“Nós todos somos motivados por desafios. Minha carreira toda foi dessa maneira. Na conversa que tive com Alex (Brasil, diretor de futebol), ele me explicou que a direção que está aqui hoje é séria, está comprometida com o clube, com os jogadores, toda essa situação que o Vitória está passando hoje, e que na minha avaliação não deveria estar. Esse foi o maior motivo de eu estar aqui hoje. Primeira vez que estou jogando no Nordeste, grande equipe, teremos um ano difícil, muitos desafios. Dado (Cavalcanti, treinador) está fazendo ótimo trabalho, profissional excelente, temos tudo para conseguir alcançar nossos objetivos neste ano”, continuou falando.

Jadson revelou que no início da carreira jogou com Dinei na base do Athletico do Paraná, lamentou a contusão que o atacante sofreu (lesão de LCA no joelho esquerdo meio do Brasileiro em 2021), e aproveitou para destacar a estrutura do clube.

“Só tinha vindo no Barradão, não conhecia a estrutura. O clube dá todo apoio aos jogadores, sustentação fora de campo. Para o Dado, que é treinador, isso também é muito importante. Temos tudo aqui. Devemos usar o que o clube nos dá para estar bem fisicamente nos jogos. Com o trabalho do Dado, conseguindo entender o que ele vai passar para a gente, temos tudo para fazer um grande ano. A estrutura é ótima. Poucos clubes dão essa condição de trabalho para os jogadores. Eles dão um ótimo respaldo extracampo para nós. Fiquei impressionado. Fico feliz de defender essa camisa”.

O presidente Fábio Mota disse que o Vitória precisou agir rápido para superar a concorrência e ter o futebol do experiente jogador neste ano da retomada.

“O Vitória fez um grande esforço para ter Jadson. Um jogador que dispensa comentário, passou por seleção e outros grandes clubes. Queremos agradecer a ele por topar participar desse projeto, um projeto de retorno para a Série A”, comentou o dirigente.

Fonte: BahiaLigada

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Compromisso com a Verdade, esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos”.

Deixe uma Resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui