Uma pá de lama na cara do eleitor e valorização dos imóveis não resiste a 2 horas de chuva

484

 

Simões Filho: Um dos mais ricos municípios da RMS – Região Metropolitana de Salvador, sempre cotado entre as maiores arrecadações do Estado, recentemente o  líder do Executivo, reeleito com 55,1% dos votos, propagou em matéria divulgada por vários veículos de imprensa, que a cidade é a que tem a melhor valorização imobiliária da RMS.

SUPER VALORIZAÇÂO DOS IMÓVEIS

Entretanto, bastou umas 2 horas de chuva, nesta quinta (8), para ser desconstruída essa narrativa. Em todos os bairros, sem exceção, Centro, Periferia, Zona Rural apresentaram problemas diante da falta de limpeza de canais, ou péssima realização dos serviços, entupimento das galerias fluviais, aliada ao péssimo serviço executado por empresas contratadas pela EMBASA – Empresa Baiana de Saneamento Básico da Bahia.

QUADRA VI

Moradores da Travessa Ângelo Sá com Rua Paranaguá, estão passando por sérios problemas, diante da execução de serviços de saneamento básico, por parte da EMBASA, com a chuva, foi formada correntezas de lama e esgoto que inundou as ruas do bairro, e por sua topografia, houve danos aos veículos, enxurrada  invadiu várias casas, e a população mesmo acionando os números da Defesa Civil está largada á própria sorte, ou falta dela, e de um melhor serviço da administração   do prefeito reeleito, Sr. Diógenes Tolentino Oliveira – Dinha – MDB.

Simões Filho, diante do inicio da temporada de chuva é uma cidade à deriva… Prá Cima…!!!!

Fonte e Fotos: Redação Nacional

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.”