SineBahia: Geração de emprego e renda na Bahia durante e pós pandemia

577

São muitas as iniciativas da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, via Superintendência de Desenvolvimento do Trabalho – SUDET, no sentido de cuidar e amparar nossos trabalhadores e trabalhadoras, das quais destaco três:

1) Projeto Trabalhando em Rede, que permitiu confeccionar e distribuir gratuitamente para 411 cidades um total de 2,6 milhões de máscaras caseiras, garantindo renda para 780 costureiras e um investimento de R$ 4,68 milhões;

2) Projeto Conectar Bahia, para qualificação profissional EAD de 6 mil pessoas, em 11 tipos de cursos, todos recebendo bolsa de R$ 240,00. O investimento total é de R$ 2,2 milhões;

3) Nova Unidade Central do Sinebahia, com capacidade para atender até mil trabalhadores/dia, com hora marcada. Além de garantir um ambiente de atendimento melhor, a nova sede possibilitará uma economia de mais de R$ 1 milhão/ano ao estado.
Sabemos que as medidas de isolamento social podem prejudicar empresas e vagas de trabalho e que, nesse momento, o maior programa de geração de empregos é a vacinação em massa, sem a qual não conseguiremos preservar a vida nem retomar o crescimento econômico.

Mas enquanto a vacina não chega para todos, é necessário que os governos assumam seu papel na implementação de políticas públicas para mitigar o problema. É fundamental a retomada do auxílio emergencial nos valores e extensão praticados no ano de 2020 pelo governo federal e, nos estados, um roteiro mínimo, como a retomada e aceleração das obras públicas.

Na Bahia, o governo caminha para o início das obras do VLT do subúrbio, extensão do metrô de Salvador, construção da nova rodoviária da capital, construção da Ponte Salvador-Itaparica e estimula a retomada das obras do Porto Sul e da Ferrovia Oeste Leste.
Além disso, é fundamental garantir o acesso ao crédito para micro, pequenos e médios negócios, onde está concentrada a maior fatia dos empregos no Brasil, facilitando financiamento com juros zero para esses segmentos.

Um outro passo importante é preparar o estado para ser indutor de desenvolvimento tecnológico, com mais investimentos em inovação. A pandemia mostrou como a tecnologia pode ter importante papel em nossas vidas, hoje e no futuro. E a Setre está preocupada com isso e preparando ações neste campo.

Os desafios para retomada de uma rota crescente e acelerada de geração de emprego e renda durante e no pós pandemia são enormes, mas com trabalho sério, planejamento e dedicação, é possível construirmos e usufruirmos disso num futuro próximo. É fundamental entendermos e respeitarmos a ordem dos problemas a serem enfrentados: vacina, renda básica, obras públicas, financiamento a juros zero (para micro, pequeno e médios negócios), ampliação dos investimentos em tecnologia e inovação.

 

Marcelo Gavião

Superintendente de Desenvolvimento do Trabalho

 

Fonte: SUDET  – Foto: 

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.”