SAÚDE: Governo Rui Costa, cede terreno para ampliação do Hospital Aristides Maltez 

A cessão de um terreno no valor de R$1,5 milhão por parte do Governo do Estado ao Hospital Aristides Maltez (HAM) possibilitará a ampliação da unidade, que é filantrópica e especializada em oncologia com atendimento 100% pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O termo de permissão de uso de bem imóvel de 1.153,00m² foi assinado nesta segunda-feira (12), pela secretária da Saúde do Estado, Adélia Pinheiro, que no ato representou o Governador Rui Costa. 

No espaço será construída uma torre que abrigará um novo centro de diagnóstico e tratamento, o que permitirá a ampliação do número de pacientes assistidos na unidade. De acordo com os gestores do hospital, a expectativa é que as obras sejam iniciadas em abril de 2023. 

A Secretária da Saúde do Estado, Adélia Pinheiro, reafirmou o compromisso do Governo do Estado do investimento na saúde. “O SUS é formado por diversas entidades que se juntam para o mais importante que é a assistência à população. O HAM presta um serviço inestimável, por isso a importância desse investimento”, destaca Adélia. 

De acordo com a titular da pasta, a ampliação é importante porque “a rapidez no atendimento ao paciente com câncer é fundamental para o sucesso do tratamento. O Governo tem investido na abertura de unidades de oncologia em todas as regiões do estado”, afirma. 

O presidente da Liga Bahiana Contra o Câncer (LBCC), Aristides Maltez Filho, afirma que este é um desejo antigo da instituição. “É mais um ato de apoio do governo do Estado à LBCC. Não tínhamos a capacidade financeira de adquirir o terreno e agora vemos a possibilidade de o hospital crescer”, pontua Aristides. 

Nova ressonância 

Além da assinatura do termo de cessão do terreno, nesta segunda-feira foi entregue o novo aparelho de Ressonância Magnética do HAM. O equipamento é fruto de investimento de mais de R$2,5 milhões do Governo do Estado, por meio da Campanha Sua Nota é um Show de Solidariedade e da Sesab, além de investimentos da Liga Bahiana Contra o Câncer (LBCC), mantenedora do Hospital. 

O equipamento possibilitará um diagnóstico mais preciso além da ampliação da capacidade de realização de exames na unidade. Aristides Maltez Filho conta que o antigo aparelho já tinha 22 anos de uso. “A despesa de manutenção já estava muito alta e não conseguíamos atender a demanda”, aponta. 

O médico radiologista e coordenador do serviço de imagem do HAM, André Boechat, explica que, “com o novo aparelho, o tempo necessário para o exame é reduzido e conseguimos realizar ressonâncias das mais simples às mais complexas, com grande ganho na resolução das imagens”, afirma o médico. 

Fonte: Saúde – GovBA  –  Fotos: Leonardo Rattes

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Compromisso com a Verdade, esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos”

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.