Projeto Tum Tum: Maternidade Maria da Conceição comemora realização de mil exames para rastreio e tratamento de cardiopatias congênitas

2244
Bahia: Uma iniciativa da maternidade Maria da Conceição de Jesus, em Salvador, vem mudando a forma de diagnóstico e tratamento de cardiopatias congênitas de fetos e bebês na Bahia. Batizada de Projeto Tum Tum, a ação da unidade da Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) viabiliza o diagnóstico precoce das cardiopatias através do rastreamento dos fetos cardiopatas e diagnóstico de bebês ainda no período neonatal.
Com pouco mais de sete meses de implantação, o projeto já realizou mais de mil exames e, segundo a Secretária de Saúde da Bahia, Roberta Santana, vem fortalecendo a atenção materno-infantil em todo o estado. “O Tum Tum nos enche de orgulho e mostra a força de um projeto pensado em equipe”, comemora Santana.
O rastreamento é feito por meio do exame de imagem ecocardiograma fetal, uma espécie de ultrassom realizado através da parede abdominal da grávida e dirigido ao coração do feto em gestação. O procedimento é capaz de mostrar a estrutura do órgão e detectar qualquer tipo de alteração ou anormalidade. Uma das coordenadoras da ação, a pediatra Karla Pedrosa explica que, além do diagnóstico, o Tum Tum também realiza o encaminhamento dos pacientes que necessitam de cirurgia cardíaca.
“O projeto veio para preencher uma grande lacuna do diagnóstico precoce das cardiopatias congênitas, seja pela realização do ecocardiograma fetal ou pela avaliação dos recém-nascidos. Também foi agregado ao serviço a avaliação dos recém-nascidos que tiveram patologias menores e que precisam fazer esse controle até os seis meses de vida. Oferecemos um direcionamento adequado desses pacientes, em especial daqueles que vão precisar de uma intervenção ainda no período neonatal. Eles são encaminhados para os serviços de referência de cirurgia cardíaca dos hospitais Ana Nery e Martagão Gesteira”, explica a pediatra.

As cardiopatias congênitas afetam 1 em cada 100 bebês e 90% deles não apresentam fatores de risco conhecidos, segundo dados do Ministério da Saúde. Diretor da maternidade, Amado Nizarala destaca que o Projeto Tum Tum foi um divisor de águas no tratamento de bebês cardiopatas. “A realização desses mil exames é um grande momento para a nossa equipe. Essa é uma marca muito expressiva e representa um avanço no diagnóstico e tratamento precoce das cardiopatias congênitas. Nossa equipe aqui na maternidade Maria da Conceição de Jesus está em contato com todas as maternidades do Estado, esse é um projeto para toda a Bahia”, pontou.

Fonte & Fotos: Ascom – Saúde 

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.”