Vacinação H1N1: Atraso no atendimento e o estoque, de vacinas H1N1 acabando apenas após 2 dias

49

Simões Filho: O atendimento da Campanha de Vacinação em Simões Filho, não vem acontecendo, no horário previsto. Hoje, 26, o atendimento só teve inicio ás 9h da manhã. Causando desconforto, e certa irritação, nas famílias que levaram para ser vacinado seus familiares, com idade acima dos 60 anos. Um flagrante desrespeito dos membros da Secretária de Saúde para com os munícipes, a equipe de jornalismo do Redação Nacional, flagrou o inicio da montagem da estrutura do Posto de Vacinação, em frente ao Ginásio de Esportes, por volta das 8h30. Mais uma vez o governo liderado pelo prefeito Diógenes Tolentino, demonstra completa falta de organização, planejamento, após 2 dias da campanha de Vacinação 2020, segundo informações estoque, da vacina H1N1, já está próximo do fim, após apenas 2 dias de campanha. DRIVE THRU Uma medida aparentemente acertada foi a disponibilização, para a população acima de 60 anos. Entretanto, o suposto benefício não segundo informações, repassadas ao Redação Nacional não priorizou a população da cidade, e sim, fato a ser confirmado com as autoridades da saúde, todos os veículos que entraram na fila com passageiros/pacientes acima de 60 anos foram vacinados. Caso confirme-se tal procedimento, poderá ser um indicativo de que a quantidade de vacinas enviadas, através do Ministério da Saúde à Secretária Municipal de Saúde, tornou-se insuficiente para atender a demanda da cidade de Simões Filho. Nota do Redação: Após o fechamento da matéria, estaremos mantendo contato com a Secretária de Saúde, para colhermos as informações, sobre a veracidade da denúncia. “O jornalismo tem o papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro. Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional. Mas para isso, nós precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.” Copyright © 2019, Redação Nacional. Todos os direitos reservados.