Transporte intermunicipal: Prefeitura cobra medidas e fiscaliza empresa

19

Diante da crise do novo Coronavírus e levando em consideração as medidas que precisam ser adotadas nas diversas áreas de atividades consideradas essenciais, a Prefeitura de Simões Filho, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), realizou uma reunião com os representantes da Expresso Metropolitano, empresa que opera a linha intermunicipal veículos.

Entre os assuntos abordados estiveram as medidas para evitar a contaminação do novo Coronavírus nos trabalhadores e usuários do transporte público, a higienização frequente e mais rigorosa dos veículos e a frota para atender às demandas da população, nos horários considerados de pico, evitando assim aglomerações. A empresa informou que vem realizando atividades de promoção à saúde da equipe de trabalho, com orientação verbal sobre o uso do álcool em gel (70%), distribuição de máscara e que a limpeza/desinfecção dos veículos estão acontecendo diariamente. Semob / PMSF, informam: Atendendo as recomendações dos órgãos fiscalizadores e controladores de saúde, sobre a necessidade do isolamento social, alerta aos idosos, que são considerados grupo de risco, que evitem sair de casa e que não utilizem o transporte público no horário de pico, quando há maior aglomeração de pessoas. — Fonte & Texto: Ascom / PMSF – Núcleo de Imprensa Nota do Redação: As ações acima ocorrem após recomendação do MP assinada pelas promotoras Dra. Patrícia dos Santos Ramos e Theresa Cristine Pinto Rebouças, conforme link. https://redacaonacional.com/post/rms-munic%C3%ADpio-desobedece-recomenda%C3%A7%C3%A3o-mp-ba-sob-cuidados-de-contamina%C3%A7%C3%A3o-no-transportes-municipal “O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro. Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional. Mas para isso, nós precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.” Copyright © 2019, Redação Nacional. Todos os direitos reservados.

Deixe uma Resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui