Pogba vai passar por cirurgia no joelho e pode desfalcar França na Copa do Catar

Há pouco mais de um mês, o volante francês Paul Pogba foi diagnosticado com uma lesão no menisco do joelho direito e optou por tratamento conservador para não perder a Copa do Mundo. Após voltar a sentir no treino desta segunda-feira, a Juventus decidiu que o jogador terá de se submeter a cirurgia e sua presença na Copa do Mundo do Catar fica bastante ameaçada.

O tempo de recuperação de uma cirurgia no menisco é de no mínimo 45 a 60 dias e faltam 78 para o pontapé inicial na Copa do Catar. A França estreia no terceiro dia da competição, contra a Austrália, e Pogba teria muito pouco tempo para concretizar seu sonho de defender o País. Aos 29 anos, ele se despediria dos Mundiais.

"Paul treinou pela segunda vez nesta segunda-feira de manhã e depois parou (no meio do trabalho por causa das dores no joelho", explicou o técnico Massimiliano Allegri. "Foi então decidido que ele faria a cirurgia. Ainda faltam 45 a 50 dias para o início da Copa do Mundo (na verdade 78), então tenho que calcular que vamos recebê-lo de volta em janeiro", lamentou o treinador, sem, no entanto, garantir que seu jogador se recupere antes da virada do ano.

"Quer ele jogue a Copa do Mundo ou não, isso não é problema meu. Nós vamos recuperá-lo de forma realista para janeiro", enfatizou Allegri, já descartando utilizar o volante em 2022.

Pogba trocou o Manchester United pela Juventus para voltar a jogar com mais frequência justamente para estar em ritmo para defender seu país no Catar. Antes mesmo da estreia oficial, ele sentiu o problema no joelho ainda na pré-temporada com os italianos. Exames detectaram a lesão no menisco, mas clube e jogador optaram por tentativa de tratamento convencional. 34 dias depois, sem avanços, a cirurgia acabou inevitável.

Fonte: Notícias ao Minuto

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.