Pai de Arturo Vidal, do Flamengo, é encontrado morto no Chile

81

O pai do astro chileno Arturo Vidal, do Flamengo, foi encontrado morto nas instalações do Club Hípico, no Chile, onde o jogador possui alguns cavalos, nesta terça-feira. A notícia foi divulgada originalmente pelo jornal La Tercera e confirmada pelo Estadão. As causas da morte ainda estão sendo investigadas.

Segundo informações preliminares, Erasmo Vidal sofreu uma mal estar enquanto estava no autódromo, sendo socorrido pelas equipes de emergência do local. A suspeita é de que o pai do jogador de 35 anos tenha sofrido uma parada cardiorrespiratória por choque hipovolêmico, situação causada pela perda de grande quantidade de líquidos e sangue.

"O Clube de Regatas do Flamengo lamenta o falecimento de Erasmo Vidal, pai do nosso atleta Arturo Vidal. Desejamos força neste momento difícil e seguimos juntos", publicou o Flamengo.

O Flamengo encara o Corinthians nesta quarta-feira, na Neo Química Arena, às 21h30 (horário de Brasília), pelo jogo de ida da final da Copa do Brasil. Segundo a assessoria de imprensa do clube carioca, a decisão de ir para o jogo ou não está nas mãos do atleta. Os relacionados para a decisão devem ser divulgados ainda nesta terça-feira.

Ainda de acordo com o La Tercera, Vidal mantinha uma relação distante com o pai, apesar de já ter o ajudado financeiramente por mais de uma vez. A má relação seria pelo fato de o jogador não perdoar ter sido abandonado ainda na infância, quando assumiu a responsabilidade de sustentar a família junto de sua mãe.

O chileno foi revelado pelo tradicional Colo-Colo, mas fez sua carreira na Europa, onde defendeu gigantes como Juventus, Bayern de Munique, Barcelona e Inter de Milão. Também vestiu a camisa do Bayer Leverkusen. Por onde passou, levantou troféus de nível nacional. Só não comemorou a Liga dos Campeões – foi vice com a Juventus na temporada 2014-15. Com a camisa do Flamengo, poderá ajudar a equipe a se dar bem na Copa do Brasil, Brasileirão e Libertadores.

Fonte: Notícias ao Minuto