Los Hermanos passam vexame na esteia da copa-2022, Arábia Saudita consegue resultado histórico

523

A Arábia Saudita surpreendeu o mundo do futebol ao derrotar a Argentina por 2 a 1 na estreia na Copa do Mundo. Sem criatividade, a Albiceleste abriu o placar com Messi através de um pênalti polêmico, mas sofreu uma virada na segunda etapa com gols de Alshehri e Aldawsari.

ARBITRAGEM TRABALHOU


Na primeira etapa, Lionel Messi abriu o placar para a Argentina com a marcação de um pênalti sobre Leandro Paredes, que foi agarrado na grande área, em uma cobrança de escanteio. A Albiceleste aproveitou uma linha alta da Arábia Saudita e balançou as redes outras três vezes, mas os gols foram anulados ou pelo bandeirinha ou pela tecnologia do impedimento.

VEXAME ARGENTINO


Nos dois primeiros ataques da Arábia Saudita na segunda etapa, a equipe de Hervé Renard virou a partida com gols de Alshehri e Aldawsari, que fez linda jogada e finalizou sem chances para Martínez. O técnico Lionel Scaloni buscou mexer no time, mas não conseguiu ter o sucesso esperado.

Argentina x Arábia Saudita
Messi não conseguiu dar a vitória aos hermanos – JUAN MABROMATA – AFP

FEITO HISTÓRICO

Essa é a primeira vez que a Arábia Saudita vence a Argentina na história. Nos quatro confrontos anteriores, a Albiceleste havia vencido dois jogo e empatado outros dois. Além disso, a equipe de Lionel Scaloni perdeu uma invencibilidade de 36 partidas e não igualou o feito da Itália de Roberto Mancini, que atingiu uma marca de 37 jogos sem ser derrotada.

FICHA TÉCNICA
ARGENTINA 1 X 2 ARÁBIA SAUDITA

Estádio: Lusail, Doha (QAT)
Data e hora: 22 de novembro de 2022, às 7h (de Brasília)
Árbitro: Slavko Vincic (ESL/FIFA)
Assistentes: Tomaz Klancnik (ESL/FIFA) e Andraz Kovacic (ESL/FIFA)
Árbitro de vídeo: Paulus van Boekel (HOL/FIFA)

Gols: Lionel Messi (1-0, 9’/1ºT), Saleh Alshehri (1-1, 2’/2ºT), Salem Aldawsari (1-2, 7’/2ºT)

Cartão amarelo: Abdulelah Almalki (SAU), Ali Albulayhi (SAU), Saud Abdulhamid (SAU) e Mohammed Alowais (SAU)
Cartão vermelho: Não houve

ARGENTINA (Técnico: Lionel Scaloni)

Emiliano Martínez; Nahuel Molina, Cristian Romero (Lisandro Martínez, 13′, 2ºT), Nicolás Otamendi e Nicolás Tagliafico (Marcos Acuña, 25′, 2ºT); Leandro Paredes (Enzo Fernández, 13′, 2ºT), Rodrigo de Paul, Papu Gómez (Julián Álvarez, 13′, 2ºT); Lionel Messi, Lautaro Martínez e Ángel Di María

ARÁBIA SAUDITA (Técnico: Hervé Renard)

Mohammed Alowais; Saud Abdulhamid, Hassan Altambakti, Ali Albulayhi e Yasser Alshahrani (Mohammed Alburayk, 53′, 2ºT); Abdulelah Almalki, Mohammed Kanno e Salman Alfaraj (Nawaf Al Abed, 48′, 1ºT); Feras Albrikan, Saleh Alshehri (Sultan Al-Ghannam, 32′, 2ºT) e Salem Aldawsari

Argentina x Arábia Saudita
Jogadores da Arábia Saudita celebram gol da virada  – Odd ANDERSEN – AFP
Fonte: Jornal Lance  –   Foto de Capa:

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.”