“Fica Dona Lúcia”: Moradores de Mapele, Santa Lúzia e Cotegipe protestam contra a mudança na coordenação

596

SIMÕES FILHO: Moradores dos bairros de Mapele, Santa Luzia e Cotegipe,  três comunidades, do Município, localizado na RMS – Região Metropolitana de Salvador, realizaram caminhada de protesto  e continuam engajadas em evitar a substituição da Coordenação de Saúde, que a mais de 20 anos, está  à cargo da Dona Lúcia do Posto.

Segundo informações da comunidade, a mudança acontecerá por motivações políticas, conforme tema já abordado pelo Redação Nacional, em recente matéria.:

https://redacaonacional.com/mapele-cotegipe-santa-luzia-exigem-a-permanencia-da-coordenadora-dona-lucia-do-posto 

Por iniciativa de lideranças, moradores dos três bairros, atendidos pela Dona Lúcia do Posto, já foi realizada a primeira manifestação de apoio, com faixas, cartazes, moradores fizeram apelo ao líder do Executivo, Diógenes Tolentino Oliveira – Dinha – MDB, e para a secretária municipal de Saúde, Iridan Brasileiro, pedindo que não seja realizada a referida substituição:

CONVOÇÃO NAS REDES SOCIAIS, USADA PARA MOBILIZAR A COMUNIDADE

“Queridos moradores de Mapele, esta unidade de saúde existe para nos atender dentro da nossa comunidade , é fruto do esforço de d. Lúcia, essa mulher guerreira que a 25 anos tem feito um excelente trabalho, Será que vamos ficar de braços cruzados diante do que está acontecendo, todos nós somos beneficiados com os serviços do posto.

Dona Lúcia do Posto está sendo perseguida, por questões políticas. Sendo injustiçada, convocamos à todos para que na próxima manifestação juntem-se à nós.

Façam sua parte e ajude-nos  na luta por um direito que é nosso:

Ter o posto o posto funcionando e sendo administrado por uma pessoa competente que trabalha por amor e conhecedora das  dificuldades existente em nossa comunidade, e reconhecida por todos uma vez que  está sempre disposta a ajudar os que a procuram.” 

Observação:  Os líderes do movimento, em apoio à Dona Lúcia do Posto, informaram ao Redação Nacional, que para evitar aglomerações, participaram um número reduzido de moradores. Entretanto, a coletividade dos três bairros, estão apoiando o movimento. E, caso não venham ser atendidos poderá ser convocada  uma grande manifestação.

Fonte: Redação Nacional, com informações da comunidade– Foto: Comunidade

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.”

Deixe uma Resposta

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui