EXCLUSIVO: TÁ PRESO…!!! Suspeito de feminicídio, Sivanildo Macedo, o “Rato” é preso pela Equipe S.I da 22ª Delegacia Territorial

Simões Filho – EXCLUSIVO: Desde o último dia doze que a população da cidade está traumatizada, perplexa, após o registro de brutal FEMINICÍDIO, que levou à óbito Lidiane Nascimento Paraguaçú, 31 anos.

MANDADO DE PRISÃO TEMPÓRARIA

Após registro do B.O – Boletim de Ocorrência foi expedido, pela 1ª Vara Crime da Comarca de Simões Filho, em desfavor do principal suspeito da ação delituosa, Silvanildo Macêdo, vulgo “Rato”, segundo informações ele estava inconformado com o fim do relacionamento, tendo jogado o caminhão que dirigia em direçao à motocicleta onde estava sua ex-companheira, Leidiane Nascimento Paraguaçu, causando-lhes a morte imediata. E, lesões graves no piloto da moto, vulgo, “Alemão”, “Branco”.

CUSTODIADO

Os agentes da S.I  realizaram o trabalho de investigação, buscando identificar a localização do suspeito, para dar cumprimento ao Mandato de Prisão, deferido em 16.02.2022 pelo Poder Judiciário. 

Diante do êxito das ações investigativas, para tranquilidade da sociedade, familiares, logrou-se êxito e Silvanildo Macêdo, está custodiado na 22ª DT, porém será transferido para o presídio de Salvador, onde permanecerá a disposição da justiça. Para responder criminalmente conforme o Artigo 121 do Código Civil Brasileiro.

DESABAFO X INÉRCIA DO ESTADO

A filha da vítima, Ellen, utilizou as Redes Sociais, para fazer um dramático desabafo, onde expõe um misto de ódio, dor, incompreensão e, uma explícita COBRANÇA AO ESTADO, que mais uma vez falha ao não garantir proteção, quando LIDIANE, recorreu às esferas da segurança pública, registrando ocorrências de violência e ameaças. A medida protetiva, a salvaguarda do Estado não protegeu a vida da vítima. E, o mais doloroso, a principal testemunha é o próprio filho que reconheceu a mãe, implorou ao pai que freasse, e guarda na memória o exato momento do impacto que roubou a vida da sua mãe, em mais uma  tragédia anunciada.

Fonte: Redação Nacional

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Compromisso com a Verdade, esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos”.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.