Ciclone extra-tropical: Atinge região oeste do Paraná causa estragos,  com vítimas no Rio Grande do Sul
SAGRADA FAMÍLIA – RS: Um homem de 29 anos ficou ferido após o desabamento de uma parede, em um imóvel atingido pelo temporal em Sagrada Família, no Norte do RS. Segundo a Defesa Civil do RS, o homem teve traumatismo craniano e foi transferido para o Hospital de Caridade de Palmeira das Missões, em estado grave.
Outros quatro moradores da cidade também sofreram ferimentos em decorrência dos estados da chuva.
Sagrada Família teve cerca de 500 imóveis, entre residências, comércios e prédios públicos, danificados durante o temporal, na noite de sábado. Uma equipe da Defesa Civil foi até a cidade. Mais de 2,4 mil m² de lona foram distribuídos. Dezesseis famílias foram desalojadas de suas residências devido aos alagamentos.
Na Serra, a BR-116 foi totalmente bloqueada, em Nova Petrópolis, após uma queda de barreira. Ninguém ficou ferido.
No Vale do Rio Pardo, duas famílias foram retiradas de casa pela Defesa Civil de Venâncio Aires. Com chuva acumulada de 116 mm, o Arroio Castelhano subiu 1,3 metro. Um homem, que passava pela estrada, ficou preso no carro e precisou ser resgatado. Ele não sofreu ferimentos.
Durante a manhã de domingo, o alagamento reduziu e as famílias foram liberadas para ir para casa.
Móveis da Escolas Municipais de Educação Infantil Closs e da Escola Odila Rosa Scherer foram removidos para evitar danos, pois a água invadiu os prédios das instituições. A Defesa Civil ainda resgatou dois cães que estavam em uma área alagada no bairro Grão-Pará.
Santa Maria, na Região Central, teve 23 casas destelhadas. Em Alto Alegre, no Norte, choveu granizo, e nenhum estrago grave ou desalojamento foi registrado.
Montenegro, na Região Metropolitana de Porto Alegre, uma família foi removida de uma casa que ameaçava desabar, na área de alagamento. No total, 12 residências foram inundadas. A Defesa Civil e órgãos públicos atuam no local.

Fonte: Redação Nacional, com informações Portal Nova Santa Rosa 

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Compromisso com a Verdade, esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos.”

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.