Ceni desconversa sobre permanência e joga decisão para a direção do São Paulo

59

A derrota na final da Copa Sul-Americana provocou mudanças de perspectivas no São Paulo. O título poderia favorecer a sanidade financeira e a busca por qualificadas contratações. No entanto, o vice impede que o planejamento para a temporada 2023 seja feito da melhor maneira. Essa indefinição impede também que Rogério Ceni bata o martelo sobre sua sequência como treinador da equipe do Morumbi.

"Não há planejamento para contratações em 2023. O clube atravessa um momento difícil. No momento, não há recursos para contratações. O clube tem todo o direito de decidir pela saída ou continuidade. Não é uma decisão minha somente. Estamos fazendo sempre o nosso trabalho. Saídas acontecerão, mas o time ficará", explicou Ceni.

Para o ex-goleiro, a derrota para o Independiente del Valle foi um baque para todos os integrantes do São Paulo. Rogério Ceni entende que o resultado de Córdoba segue tirando o sono do elenco tricolor. A única solução, dentro de campo, seria somar pontos e vitórias suficientes para classificar o time para a próxima edição da Copa Libertadores.

"A frustração de todos é pela perda da Copa Sul-Americana. É o que mais tem pesado. Se não entrego o que o torcedor espera, tem peso dois (para minha decisão). Esse ano ficou impossível. Mas disputamos dois títulos (Campeonato Paulista e Sul-Americana). Nunca se vai à guerra e se volta sem ferimentos. O intuito era entregar esse título. Só o tempo e os resultados para melhorar essas feridas", explicou o treinador.

Após a derrota para o Botafogo, por 1 a 0, no Morumbi, Rogério Ceni espera que a equipe possa se recuperar principalmente no duelo com o Coritiba, adiado da 29ª rodada. Por ser um adversário mais frágil e que luta contra o rebaixamento. "Esse jogo a menos pode dar uma sobrevida", afirma.

Ceni, porém, não reserva muita confiança para o clássico com o Palmeiras no próximo domingo, às 16h, no Allianz Parque. O técnico relembra as dificuldades que o São Paulo teve para medir forças com o líder do Brasileirão ao longo da temporada longe de seus domínios. Apesar da derrota na final do Paulistão, o time tricolor conquistou a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil triunfando nos pênaltis após derrota recheada de polêmicas no tempo normal.

"O Palmeiras é sempre complicado no Allianz Parque. Não temos conseguido bons resultados. Vamos tentar treinar uma equipe para criar dificuldades para o Palmeiras. Todos estamos tentando tirar o São Paulo dessa situação difícil", finalizou.

Fonte: Notícias ao Minuto