Cássio lamenta ‘gol de bobeira’ em bola aérea: ‘Sabíamos da força do Fluminense’

O torcedor corintiano aplaudiu o time do Corinthians mesmo com a derrota por 2 a 0 do Fluminense. Foi um reconhecimento ao esforço na tentativa de buscar o empate. Mas as palmas não foram suficientes para deixar Cássio feliz. O líder do elenco saiu de campo lamentando a bobeira dada no primeiro gol em jogada característica dos cariocas e bastante trabalhada na preparação da partida.

O goleiro revelou após o apito final que o Corinthians estava pronto para tentar neutralizar o jogo aéreo do qualificado Fluminense. A falha na marcação logo aos 11 minutos acabou custando caro, pois apesar das tentativas, o Corinthians não conseguiu reagir e ainda acabou novamente vazado já na reta final do segundo tempo, sendo ultrapassado pelo oponente na classificação.

"Primeiro, temos de reconhecer que o Fluminense é um time muito qualificado, vem apresentando um bom futebol o ano todo, não é de agora", iniciou Cássio, antes de lamentar o que considerou o lance decisivo do jogo. "Mas tomamos um gol de bobeira, de bola parada que a gente sabia que eles tinham, de bater rápido", seguiu. "(A gente) Sai atrás e ainda perde três jogadores, dificulta um pouco para correr atrás."

Apesar de ser ultrapassado pelo Fluminense por um ponto (58 a 57), o Corinthians terá chance de recuperar a quarta colocação no sábado, em visita ao Goiás em jogo adiado do dia 15 de outubro por causa da não permissão de entrada de corintianos na Serrinha. Precisa ganhar.

Cássio espera que a apresentação seja diferente para que o time não tenha de se desgastar como diante do Fluminense, jogo no qual perdeu Gustavo Silva, Renato Augusto e Balbuena machucados até o intervalo. "Lutamos, competimos, mas é uma equipe bem arrumada que ainda foi feliz em um chute e não conseguimos reagir."

Fonte: Notícias ao Minuto

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.